JavaScript must be enabled in order for you to see "WP Copy Data Protect" effect. However, it seems JavaScript is either disabled or not supported by your browser. To see full result of "WP Copy Data Protector", enable JavaScript by changing your browser options, then try again.
ir para o topo

Crack: Definição, postagem de caráter educativo

CRACK – Definição

Através de alterações na estrutura da cocaína (água do cloridrato), obteve-se uma forma cristalina de cocaína, conhecida como ‘‘crack’’ ou ‘‘rock’’ (pedra). O termo crack deriva do som destas pedras quando queimam. O crack é uma droga de ação mais rápida e mais poderosa que a cocaína comum. Pode provocar dependência em menos de um mês e pode matar em menos de um ano.

Uso e generalidades

O crack é fumado, alcança o pulmão, que é um órgão intensivamente vascularizado e com grande superfície, levando a uma absorção instantânea. Através do pulmão, cai quase imediatamente na circulação, chegando rapidamente ao cérebro. Com isso, pela via pulmonar, o crack e a merla “encurtam” o caminho para chegar ao cérebro, surgindo os efeitos muito mais rapidamente do que por outras vias. Essa característica faz do crack uma droga “poderosa” do ponto de vista dos seus potenciais de abuso.

Principais Efeitos

  • Agitação ou depressão
  • Anorexia ou Fome
  • Compulsão
  • Fadiga
  • Depressão
  • Insônia ou Sonolência

Referências

  • BRASIL – Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas. Livreto Informativo Sobre Drogas Psicotrópicas. São Paulo CEBRID, 2007.
  • DE PAULA, Kramer. Wilson. Drogas e Dependência Química Noções Elementares. Florianópolis 2001.
Author avatar
RAV - Renovando a Vida
https://renovandoavida.com.br
Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.