JavaScript must be enabled in order for you to see "WP Copy Data Protect" effect. However, it seems JavaScript is either disabled or not supported by your browser. To see full result of "WP Copy Data Protector", enable JavaScript by changing your browser options, then try again.
ir para o topo

Bolsa auxílio para dependentes químicos

No início do ano, algumas correntes de Whatsapp estavam anunciando que o governo criou uma “bolsa crack” de R$ 1.500,00 para os dependentes dessa droga gastarem por aí. Isso não é verdade. Foi apenas uma mentira para enganar quem curte espalhar notícias falsas.

O que existe é um auxílio-doença para dependentes químicos. Para recebê-lo, é necessário comprovar diversas situações e apresentar vários documentos. Continue lendo para entender melhor sobre isso.

Como funciona a bolsa auxílio para dependentes químicos?

Esta bolsa é concedida somente quando o dependente prova que está em tratamento em alguma clínica de recuperação ou hospital. O INSS avalia detalhadamente cada candidato à bolsa antes de autorizá-la. Isso é feito para evitar que o indivíduo gaste o valor comprando as drogas.

Um perito analisará as condições de vida do dependente, verificará se ele realmente não tem condições de exercer qualquer trabalho e depois fará exames médicos para confirmar que ele está fazendo tratamento e qual é o estágio deste.

Além disso tudo, para que o dependente receba o benefício, é preciso que ele esteja em fase de abstinência (sem utilizar drogas) e seja contribuinte da Previdência, com ao menos 12 contribuições (ou, caso esteja desempregado, não deve ter passado mais de 13 meses sem contribuir).

Os que estavam empregados, precisam estar longe do serviço há 15 dias para tentar conseguir a bolsa auxílio. É possível solicitar pela internet (acesse AQUI), mas vale lembrar que é necessário escolher uma agência física do INSS para que a perícia seja realizada.

No site da Previdência, existem mais informações sobre todos os documentos exigidos para cada tipo de requerente. Se te interessar, não deixe de acessar.

Quanto é o valor recebido pelo bolsa auxílio para dependentes químicos?

Não existe um valor fixo, pois ele pode variar de acordo com a contribuição de cada indivíduo. Além disso, essa bolsa dura segundo o tempo de afastamento de cada dependente. Alguns podem precisar de um período maior que outros.

Os peritos irão aparecer de tempos em tempos para verificar o progresso do tratamento e para avaliar se a pessoa já está apta a retornar ao trabalho ou não. É essencial participar de todas as avaliações para continuar recebendo a bolsa auxílio.

Geralmente, o valor da bolsa é a média dos últimos 12 salários recebidos. Se por acaso o segurado não possuir recolhimento, ele pode ter direito a um tipo de bolsa especial cuja quantia é de um salário mínimo.

Viu como é importante buscar um tratamento? Para ter acesso ao benefício e aos cuidados de que você precisa, é necessário frequentar uma clínica de recuperação.

Author avatar
RAV - Renovando a Vida
https://renovandoavida.com.br
Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.